Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views :

Exponencial crescimento do turismo corporativo no Brasil

O reinício de grandes eventos, congressos e seminários em todo o país impulsionou o crescimento deste segmento no primeiro semestre de 2022.

Durante julho, superou os índices pré-pandêmicos, ganhando quase 1 bilhão de reais.

Dados da Associação Brasileira de Agências de Viagens Corporativas (Abracorp) indicam que os ingressos do segmento se triplicaram com aumento nos primeiros meses deste ano, em comparação com o mesmo período de 2021. No total, registraram-se aproximadamente 4,8 bilhões de reais, com ênfase nos serviços aéreos (3,1 bilhões).

Ao analizar os dois trimestres deste ano, os outros segmentos também registraram um aumento. A hotelaria nacional subiu 31,4% com respeito ao primeiro trimestre de 2022. Os ingressos passaram de 542,08 milhões a 712,8 milhões de reais. A locação de veículos também teve um aumento no período. Foram quase 20 milhões de reais a mais nos lucros das agências.

A entidade também apresentou dados do mês de julho, indicando a recuperação do segmento com índices superiores à pandemia. O recorde é de quase 1 bilhão em ingressos, 1,8% a mais que no mesmo mês de 2019. O setor aéreo também foi o mais destacado do período, computando R$ 644 milhões, um índice 2,82% por cima do valor registrado em julho de 2019. O segmento hoteleiro também registrou em julho cifras iguais ou próximas ao período pré-pandêmico.

Um segmento chave

Segundo a Enquete Nacional Contínua por Amostragem de Lares (PNAD), o turismo MICE representou 14.6% das viagens realizadas dentro do país em 2021. Do mesmo modo, evidenciou que, na demanda turística internacional, o segmento foi a segunda razão principal da chegada de estrangeiros ao Brasil em 2019. Os destinos mais populares foram São Paulo (49,2%), Rio de Janeiro (19,1%), Curitiba (4,8%), Porto Alegre (3,4%) e Brasília (3,2%).

  • Facebook
  • Twitter
This div height required for enabling the sticky sidebar